12.12.02

eu não sei, mas devo ter alguma coisa mágica que atrai objetos (geralmente de grande porte) pra cima de mim. sim, pra cair em cima de mim. acho que já contei dos episódios das janelas que caíram em mim quando eu era bem mais jovem, né? aquela história que tinha uma mendiga pedindo comida no portão do prédio e eu ofereci o tubo de cola tenaz que eu tinha na mão e em seguida caiu uma janela do primeiro andar em cheio na minha cabeça. já contei sim. e a outra eu estava dormindo e depois que a janela caiu eu estava coberta de cacos de vidros em cima do lençol. sorte (???) que não tinha nenhum vidrinho no rosto. acho que falei também do episódio das caixas de som que caíram sem explicação na minha cabeça, ano passado. eu tava gravando uma fita prum colega meu e as caixas simplesmente caíram, como quem não quer nada. também não rolou nada comigo, só um desmaiozinho de nervosismo puro. pra fechar meu ano com chave de outro, ontem fui levar minha tv e computador pra minha casa nova. meu irmão tirou a tv da parede e colocou em cima da cama. em seguida eu fui desconectar o computador e pra isso precisei deitar no chão por debaixo da mesa. como vocês já podem prever, a tv caiu em cima do meu pé. não sei porque cargas d'água ela não estraçalhou o pobre e também continuou funcionando. na hora dei um grito horroroso, mas mais por causa do susto. e o pé lá, inteiraço. o pior é que por muito menos eu já torci o pé. bom, o fato é que eu não sei que porra de íma é esse que faz com que essas desgraças caiam em cima de mim. se alguém souber onde eu tomo um passe pra evitar acidentes do tipo, me avisem. por enquanto, vou tentar fazer as pazes com meu anjo da guarda.

Nenhum comentário: