3.1.03

ainda sem internet em casa. essa, a bichinha, tá caminhando em meio a baratas. e temos um novo morador agora. um bebê. ainda não tem nome porque isso tem causado bastante polêmica entre os presentes. já se pensou em jaboatão (para combinar com os topolinos abreu e lima), folote, aparício, jofre, onofre, alfredo, eliseu, manacés e milhões de nomes que aparecem na hora. mas parece que o que mais agradou foi JUINO. acho que vai acabar sendo isso mesmo, mas isso precisa ser acordado com todos. juino é o gato mais fofo do mundo, tem só três meses e já é grandão. ele é branco e tem manchinhas pretas. parece uma vaquinha. tem cavanhaque e uma coleira de punk fashion amarela. de tachinhas.

o réveillon foi tranqüilo. fiquei em casa sozinha até 10h30, morgada, quando aninha e flávia apareceream com quitutes e uísques e cervejas. rompemos o ano 5 minutos antes de todo mundo simplesmente porque o ESCUMANTE explodiu antes do que deveria. não podíamos perder a chance de tomar aquele banho. depois dançamos diana e paquitas (esse foi um dos lps que veio de brinde com o toca-discos. o ônus e o bônus, como diz dona paula, mãe de kleber). eye, carumba! como é legal o disco das paquitas, gentes! bom, não quis ir praquela festa da pitombeira porque a minha intuição fera disse NÃO VÁ. eu tava morgada e sabia que a festa não ia ser lá essas coisas. dito e feito :) no dia seguinte ainda fui pra porto curtir a ressaca e chupar grama.

e eu nem pude falar aqui como foi legal, o acontecimento do ano, o show de marky e patife que teve há uma semana, né? eu tnha escrito um verdadeiro tratado sobre o show, sobre a enorme espera entre o show de um e outro e um verdadeiro exercício de paciência e controle da mente que eu tive de praticar, dos maravilhosos shows paralelos que rolaram durante o show de marky e aquela coisa de ir dormir às 8h30 da manhã e amastarde ir pra praia. mas o acesso discado da minha casinha insiste em não funcionar decentemente. e desde que o homem da velox foi lá, nem conectar a gente consegue. então esquece.

Nenhum comentário: