5.2.03

estou me saindo uma perfeita dona de casa, prendada como papai sempre quis que eu fosse (lml). pois é, acabei de comer uma belíssima lasanha que eu mesma fiz. se você fez o feijão exatamente como eu mandei, ficou uma delícia, porque aquele um quilo que eu fiz segunda-feira voou rapidinho. e olhe que só moram 3 pessoas aqui. ou eles estavam famintos de dias ou ficou muito bom mesmo e eu prefiro acreditar que a segunda opção é a correta. mas vamos lá.

como vocês já sabem, a lasanha é composta de partes brancas e partes vermelhas. as partes vermelhas são o molho de tomate (ohh) e as partes brancas são compostas do queijo e do molho branco. vamos começar pelo molho vermelho.

molho vermelho:

5 tomates grandes e bem maduros
2 cebolas grandes
6 dentes de alho
azeite de oliva
salsa, orégano e sal a gosto

rale as cebola e esprema os dentes de alho. doure no azeite. o tomate tanto pode ser colocado cru e em pedaços pequenos dentro do alho e cebola doirados como pode ser fervido antes pra já dar uma amolecida, o que é melhor pra você. portanto, basta ferver água e jogar os tomates dentro. depois, tirar a pele e cortar. aí então acrescenta os tomates à panela com alho e cebola. deixa cozinhar pro tomate soltar o sumo. acrescente os temperos, cozinhe mais um tempo e guarde o molho.

molho branco:

um litro de leite
3 a 4 colheres de sopa de maizena
uma colher de sopa de manteiga
sal e noz moscada a gosto (não exagere na noz moscada, pelo amor de deus. tenha bonsenso)

primeiro, antes mesmo de acender o fogo, misture a maizena com o leite pra evitar que se formem bolinhas. depois ligue o fogo e acrescente a manteiga. mexa sempre. acrescente o sal e a noz moscada e espere tomar consistência.

feito isso, você vai precisar de:

um pacote de massa fresca de lasanha (aqui eu usei da marca frescarini que é dessas cujo cozimento é no próprio forno. se você for usar aquelas massas duras e tenebrosas que têm que ser jogadas na água fervente e em seguida numa vasilha com água gelada e toda aquela trabalheira, problema seu)
500g de queijo mussarela
200g de queijo parmesão ralado

agora é a parte mais chata. retire as folhas de lasanha da embalagem e não esqueça de retirar todos os plásticos que têm entre as folhas. não vá mandar pro forno um plasticozinho maneiro. pegue uma travessa refratária grande e retangular e coloque uns pingos de azeite, só pra lasanha não grudar. cubra com as primeiras folhas de lasanha e vá colocando os molhos, alternando sempre entre uma camada de molho e uma de massa o queijo mussarela e o parmesão.

como você pôde notar, essa lasanha não tem carne moída nem presunto, que é em respeito às pessoas que não comem carne. ok, eu sei que elas não merecem respeito, é eu brincando. mas fica muito gostosa também assim e não empacha tanto. não coloque presunto: fica uma merda e se estraga com mais facilidade. se não agüentar uma lasanha sem carne, acrescente ao molho vermelho a carne moída e faça o resto do mesmo jeito

Nenhum comentário: