3.2.03

pois é. em olinda, já é carnaval. domingo agora é difícil ter paz por ali, pelo menos até proibirem o som (de um mal gosto terrível) nas janelas das casas. ontem foi meu teste de paciência com malas e freges em geral. fui (de busão, porque entrar de carro ali tá impraticável) pra ver o show do suvaca di prata lá no mamulengo só riso. foi massa e tal, apesar do lance do "mulher não paga" ser um chamariz somente para mulheres (quando deveria era atrair homens). resultado: um lugar cheio de meninas de mini-saia atrás de macho e nenhum macho no recinto. aliás, os que tinham estavam acompanhados. eu sinceramente não gosto desse troço machista de mulher não paga, apesar de me dar bem nessas, já que não é muito do meu feitio pagar pra entrar em festas. e quando tava voltando pra casa percebi o quanto eu tou velha pra certas coisas, como pra muvucas em geral, maloqueiros de olinda cheirando loló e visando bolsas de menininhas como eu. e, caralho, insuportável pegar busa ali às 10h15 da noite. mas esse ano eu tenho que ir pra olinda nos dias de carnaval porque terá visita aqui em casa. e, claro, eles têm que conhecer o tradicional carnaval de olinda, acompanhar uns blocos. mas pretendo ir de dia e voltar antes do sol se pôr (heheh) pra poder pegar o rec beat aqui no recife antigo (que por sinal estará o ouro).

Nenhum comentário: