18.5.03

não sei muito bem o que postar sobre ontem. só que foi um dia bem sui generis. mas bem sui generis MESMO.

- ir pro cinema sozinha pode ser uma experiência legal. ainda mais ver lola montés, que acabou com meu preconceito com filmes antigos grandiloqüentes e com interpretação teatral.

- ir comer pizza e toimar cerva e conversar coisas (que você normalmente não conversa nem com seus mais fiéis amigos) com uma pessoa com quem você nunca esteve antes na vida pode ser uma experiência maravilhosa.

ir para uma festa onde o som tá péssimo (tanto a qualidade da música como do som em si) mas permanecer nela o máximo de tempo possível porque você adora as donas da festa e seus amigos estão todos lá falando do caso tarsila gusmão e maria eduarda / ou falando seriamente-como-eu-nunca-falei-antes / ou ficar de queixo caído com fofocas contadas por um menino que você nunca imaginaria saber de tanta coisa / ou dançando uma versão horrorosa de sunglasses at night pra ver se seu corpo fica na mesma vibração da sua cabeça, ou vice-versa pode ser uma experiência interessante.

- ou ainda acabar a noite numa festa onde um grupo de pau e corda está tocando forró, todos estão dançando e você recusa todos os convites de ir pra pista simplesmente porque não está a fim de aprender a dançar e de repente a discotecagem começa a ser mudar a estação do rádio e depois as duas meninas tatuadas e do róque que estávam junto com você na salinha das entediadas assumem o controle do som e colocam devo e the fall e tudo muito ducaralho e fazem com que pixies não seja cliché pode ser uma experiência agradabilíssima e fazer muito bem às pessoas que caem umas por cima das outras.

Nenhum comentário: