28.5.04

PÂNICO

tava lendo o blog de sil ontem e, não sei se é coincidência, mas anda rolando uma onda de assalto/violência seguido de um pânico de sair de casa, chegar em casa e, no meu caso, até DE ficar em casa. como eu já tinha dito antes, o lugar que tou morando é muito maneiro, é um bairro super residencial e tal, mas meio esquisitinho. o caso da minha rua, particularmente, é que é a pior das redondezas em termos de malassombro.

o caso é que, da madrugada de sábado pra domingo, um cara entrou no prédio e arrombou um carro. parece que foi por pouco a gente não ter se cruzado, porque eu cheguei em casa na madrugada do sábado pro domingo. e essa semana rolou meio que um panicozinho de ficar em casa, de achar que vão entrar ali. se eu já tava achando ruim ficar só, agora é que piorou. e ainda tem o agravante de que estou sem computador em casa, o que aumenta ainda mais a solidão. uma noite dessas sonhei o tempo inteiro com ladrão, gente entrando em casa, eu arquitetando planos pra não morrer, enfim, neurose total.

tá meio foda não pensar nisso, não pedir proteção quando boto os pés fora de casa. tá foda mesmo.

26.5.04

PRESTA NÃO IR NA CIDADE

hoje eu fui no centro carregar o passe e percebi que não estava com o comprovante de matrícula. pra não dar viagem perdida, fui passear no centro chuvoso e acabei GASTANDO. comprei um relógio WATCH. como o próprio nome já entrega, é um swatch falsiê. mas ao contrário dos relógios MIKE e ADOIDAS, o WATCH é igualzinho a um swatch: a pulseira, os gueri gueri de dentro, o tamanho da bola, tudo igual. e tudo isso economizando 200 reais. muito bom.

aí passei nas americanas pra fazer a digestão e acabei levando o "be here now" do oasis por R$9,90. tinha outras coisas lá que eu quase comprei - o já clássico "usuário" do planet hemp e o "vivendo e não aprendendo", um dos melhores discos do ira! - mas o liseu tá grande pra ficar gastando meus reais com disco, coisa que não me apetece mais há um bom tempo.

21.5.04

MULHERZICES

de uns tempos pra cá eu tenho pensado muito na idade, em como o tempo tem passado rápido nos últimos anos - esse ano mesmo, mal começou, já tá no meio. e não só sou eu quem compartilha dessa opinião. mas enfim. já tem um tempo que eu tenho pensado nisso. no tempo passar rápido demais e eu continuar aqui, não regredindo, mas numa progressão muito lentinha, não correspondente à com que o tempo tem passado.

tem um tempo já que eu venho enchendo o saco do povo com essa história de procriar. tudo bem, parei de falar nisso. mas depois que A MINHA PRÓPRIA MÃE DISSE que era bom cuidar DISSO logo, que não é bom ter filho tarde (e vocês sabem que praga de mãe PEGA) eu aindei pensando "porra, podicrê". e esses pensamentos me voltaram à cabeça, a história da maternidade e tal.

agora vem outra merda: casamento. sabe o que é? vou contar.

lá no trabalho só tem mulher. aí já viu. muita mulher junta num lugar presta não. aí que tem uma que namora há seis anos, outras duas há quatro, duas casadas, mais outra há sete anos. todas ENCAMINHADAS para formar um lar PRÓSPERO e FELIZ.

ok, não que eu esteja pensando em CASAR propriamente. mas pra eu pensar em ter um filho, eu preciso, ao menos, ter um parceiro ESTÁVEL. e que compartilhe dessa mesma vontade, lógico. mas nem isso eu tenho. além do parceiro ser estável, ele não pode ser FEIO, nem MORAR LONGE. não que seja o caso TOTALMENTE, mas enfim.

o fato é que hoje fui almoçar com a minha velha e falei desse SALÃO que é o lugar onde eu trabalho, contei do episódio da moça que veio contar, toda sorrisos, que havia ficado noiva na noite anterior. tudo bem que isso não me causa nenhuma comoção, ou arroubo de felicidade. venho de uma família que não dá a mínima importância pra esse tipo de coisa, o que eu acho ótimo. não tive nem festa de quinze anos, muito menos terei um casório da forma como muitas mulheres sonham. se um dia eu vier a me juntar com UM OUTRO ALGUÉM, quero fazer uma festinha bem MINHA CARA, como juliana calheiros fez, vestida de RENASCENÇA e sandalinha de couro, na granja da família. não que eu vá me vestir assim, mas é o tipo de festa de casamento que imagino mais próxima à minha, se eu tiver uma um dia.

até comentei na hora lá no trabalho que, quando eu casar um dia, vou aparecer de manhã e dizer GALERA, CASEI. é, vai ser quando eu resolver ir morar junto com o cara que eu tiver namorando.

eu não queria ficar pensando muito nessas coisas, mas é que já tou com 24 anos na cara e sei que daqui pros trinta é um pulo que eu não vou nem sentir.

será que só sou eu que penso nisso ultimamente?
NADA COMO

descer do ônibus, cortar caminho pelo mercado da madalena, ouvir uma voz chamando "MOÇA, MOÇA!", achar que é a garçonete mas é você, ver que é junior black, sentar na mesa com ele, beber umas cervejas, comer um sarapatel massa, falar sobre cocô, gírias e signo e ainda ser deixada na porta de casa.

18.5.04

SMELLY CAT

eu definitivamente tou longe de ser fã de friends. acho legal o seriado e tal, mas não sou enlouquecida como o resto do mundo é. mas devo confessar que sou, como o resto do mundo, fã da pheebs. e das músicas horrorosas dela. outro dia me deparei com a mp3 disso aqui:

smelly cat, smelly cat
what are they feeding you?
smelly cat, smelly cat
it's not your fault

they won't take you to the vet
you're obviously not their favourite pet
you may not be a bed of roses
and you're no friend to those with noses
TOXOPLASMOSE DESDE 1986



o rafa, aninha e eu, esmagando marrat

17.5.04

NOITE CUBANA

chegar ontem já foi um sufoco. a começar que não tinha carona pra chegar no alto do céu, lugar onde fica o clube bela vista. depois de arrumar carona, a gente se pedeu umas quatro vezes naquelas entradas todas.

no caminho, avisto uma parede com a seguinte frase pichada: CICÍLIA É FOLOTE.

sem comentários.

finalmente conseguimos chegar. o bela vista é um típico clube de subúrbio, com pintura renovada, pessoal da bilheteria e roleta muito simpáticos e educados, sem falar no pessoal que freqüenta o lugar normalmente, com figurinos de fazer inveja a qualquer menininha olindense metida a estilista. o lugar é muito legal, começando pelas paredes, com mensagens de motivação e ensinamentos pintados e toda a extensão. depois, o bar. o menu pintado na parede se resume a cerveja (R$ 2, super gelada), guaraná (que pode ser coca, fanta, sprite ou guaraná, R$ 1,50), vodca (só vendem a garrafa da slova, R$ 6), rum (um lugar onde só toca música cubana tem que ter rum) e uísque (não lembro a marca, mas o preço era R$12 a garrafa). os petiscos eram CHURRASCO e GALINHA. essa última, especialmente, chama atenção pelo preço, R$3. vem pedaços de galinha boiando no óleo acompanhado de batatas fritas frias. tá valendo muito.

a música é sensacional. todo mundo se divertindo, dançando. muito bom ver senhores bem velhinhos arrasando no salão, botando qualquer jovenzinho que se atrevesse a dar uns passos no chinelo.

resumo da ópera, o lugar é ducaralho. quero ir lá sempre, muitas vezes ainda. e o bom é que termina cedo: 23h o lugar começa a esvaziar. recomendo muito.

15.5.04

FODA-SE

apesar de deus e a humanidade serem contra, vou levar adiante o projeto BICICLETA ERGOMÉTRICA VENDO A NOVELA. falem, falem à vontade que vai virar cabide, que eu vou abandonar a pobre, mas eu preciso provar pra mim que eu sou capaz de levar adiante. sai mais barato do que pagar academia durante alguns meses e não preciso nem sair de casa.

13.5.04

Ê, VIDÃO

eu tou vendo a hora é endoidar aqui dentro dessa casa, sozinha, o tempo todo. ontem mesmo eu quase entrei em parafuso. estresse geral bateu aqui, por uma porção de motivos. e ninguém pra conversar. ninguém pra ouvir uns gritos. não é a mesma coisa pegar o telefone e ligar pra a mãe, desesperada, chorando. o máximo que vai acontecer é ouvir um SÓ LAMENTO. o jeito é deitar a cabeça no travesseiro e rezar pra não sonhar com coisa ruim.

mesmo assim é difícil evitar os sonhos bizarros. sei que acordei hoje umas 4h30 da manhã de um sonho bizarro. mas não bizarro por ser bizarro. é bizarro daqueles em que você sonha matando personagem de novela (vejam só a que ponto eu cheguei!) e sendo a heroína da história. ou com um lance que são todos os seus amigos num lugar azarando pessoas, mas um lugar PRÓPRIO para esse tipo de atividade. bem ridículo mesmo, parecia que tavam numa propaganda do PAPO MANIA (aquele da musiquinha das pessoas que VÃO À LUTA E CONQUISTAM UM IDEAL, lembram?). sei que acordei desse sonho meio confusa ainda, me perguntando se eu participei ou não daquela coisa ridícula e perdi o sono. voltei a pensar merda e nada do sono voltar.

minha mãe sempre me disse que nessas horas é bom pegar um livro. peguei o de saramago que eu tou lendo, mas a capa é dura e ficou pesado. peguei o pau pra toda obra "cartas na rua" do velho buk. esse é um livro emergencial. guardo as últimas páginas que faltam pra quando acontecer de eu perder o sono no meio da madrugada. acabei dormindo demais e chegando um pouco atrasada no trampo.

mais estresse. isso sem falar na nova companheira, a dor no joelho direito, que vem me acompanhando de uns dias pra cá. comecei a sentir o bichinho depois de um dia meio pesado no trampo, aqueles dias em que você pega um trabalho que parece interminável. que só de ver o que falta pra terminar você se imagina dali a um ano ainda finalizando o processo. não gosto nem de pensar. dói.

mas vamos lá, vidinha. um dia a sorte abraça você, zênzi.

11.5.04

CECÍLIA, 1982, INTERPRETANTO NELSON GONÇALVES

cabooooca
teu oiá
tá mi dizenu
que você tá me quelendu
que você goooosta di miiiim

caboooooca
não te dou
meu colação
hoje você mi qué muito
amanhã num qué mais não


ódio dos meus pais, que não gravaram uma pérola dessas. nem isso nem minha aparição na rádio cantando parabéns pra você e atirei o pau no gato em esperanto.

vou gravar até os peidos dos meus filhos.
SÓ ACREDITO VENDO, TÁ?



a foto foi originalmente postada no blog de renata. essazinha é a irmã da amiga dela (ambas são de porto rico) e diz ter EXECUTADO coisas com o meu nicinho.

10.5.04

FASTÃO

alguém confirma a presença do mombojó domingo que vem no domingão do faustão?

9.5.04

ADQUIRA JÁ O SEU

From: X-Neurotron@storm3.uol.com.br, -@storm3.uol.com.br,
4652@storm3.uol.com.br
To: cecils@uol.com.br
Subject: X-Neurotron - Relaxamento eletrönico - 4715
Date: 09 May 2004 21:43:30 -0300


Saudações,

Estamos comunicando você sobre o X-Neurotron, um produto de última geração,
o qual poderá ser usado em beneficio de seu bem estar ou na busca do
equilibrio mental.
Trata-se de um KIT com óculos conectados ao computador e um software,que
sincroniza ondas cerebrais,sendo
capaz de facilitar o combate ao stress, insônia, ansiedade, etc. além de
permitir alteração dos estados de consciência, facilitando por exemplo a
meditação e hipnose, obtendo desta maneira resultados positivos e
impressionantes.

Para maiores informações sobre este produto ou para saber como adquirí-los,
visite nosso site e faça seu pedido.

http://www.neurotron.com.br

Ou telefone para: (0**48) 9996-3020

EXPERIMENTE ESTA NOVIDADE!!!

Email: neurotron@neurotron.com.br

ATENÇÃO, PARA CONHECER OUTROS PRODUTOS DISTRIBUÍDOS PELA X-NEUROTRON,
ACESSE O SITE:

http://www.neurotron.com.br/neuroshop

Divulgação Sim, Spam não!

Para não receber mais esta mensagem, basta devolvê-la.
ON THE ROCKS

olha, é ducaralho beber uísque de graça em festa careta. mas é foda pra uma pessoa que só bebe cerveja nos cantos: você nunca sabe quando chegou no limite. geralmente você só percebe quando já passou dele. é sempre assim comigo. próximo casamento ou formatura que eu for, vou encher a cara de uísque. mesmo. é bom eu começar a aprender a beber isso porque se eu continuar do jeito que vou na cerveja, em coisa de dois anos vou ostentar um bucho de lama do caralho.

pois ontem foi a formatura de marcos - e foi ducaralho reencontrar os amigos da escola, muito bom mesmo - e de (thiago) melo também. engenheiros. pense: a festa cujo traje é PASSEIO COMPLETO (seja lá o que isso signifique), de formandos de ENGENHARIA e num CASTELO cheio de armaduras e esculturas antigas e maravilhosas (a do carinha lá bebendo vinho e que batizamos com algum nome que eu não me recordo é FUDEROSA). o lugar é ducaralho. mas eu tava longe de trajar PASSEIO COMPLETO (seja lá o que isso signifique) e nem um pouco à vontade com aquela caretice toda.

encho a cara de uísque. tábua de frios. frituras. essas coisas.

um certo momento percebo que meu estado não é dos mais conscientes. é chegada a hora de parar de beber, quiçá de ir embora. já é dia. a ânsia de vômito no caminho pra casa foi só um alarme falso.

ah, mas quase esqueci de contar o EPISÓDIO na ida. todo mundo sabe que o castelo de ricardo brennand fica na puta que pariu, literalmente no fim da várzea fazendo a curva, como dizem os gaúchos. então, um engarrafamento ducaralho naquele lugar limpezinha que é a várzea, o ALTO DA SÉ DO RECIFE. parados no meio do engarrafamento, sem chance de recuo, fitamos uma briga dessas de boteco, gente bêbada e sem noção que por um motivo qualquer começa a pancadaria. o sujeito quebrou o cabo de vassoura na barriga do outro e ainda completou com uns chutaços. doeu. BAM FIGHT. o mala que apanhou aidna meteu a mão dentro do calção. na hora pensamos FUDEU, VAI PUXAR UM CANO. mas foi só caô. pensando agora foi engraçado, mas meu cu fez bico de medo na hora. CENISTRO.

6.5.04

DIÁRIOS DA MOTOCICLETA

eu curti. a fotografia belíssima já vale o filme. dá vontade mesmo de pegar uma moto e sair viajando pela américa latina. gael tá lindo e também muito me agradou o amigo (é mesmo filho do homem o tal do rodrigo de la serna? deve ser). belo sorriso. achei que gael é muito bebezinho pra interpretar um MACHO como che guevara, mas tá bom. nicinho talvez fique mais parecido.

em tempo: sil, se tu achar uma benzedeira, avisa aí. dessa vez é uma faringite.

3.5.04

CARALHO

tem um MORCEGO dentro da pia da cozinha. cheguei em casa, acendi a luz pra colocar as coisas lá e ouvi um barulho vindo de dentro da pia. na hora que vi aquela coisa escura pensei PUTA QUE PARIU, UM RATO. depois fui analisar a estrutura do bicho e vi que era um morcego. agora a luz tá acesa, ele tá entre um prato e uma PANELA e nunca mais na vida ele sai de lá. e eu nunca mais vou entrar na cozinha.

2.5.04

TEENAGE FANCLUB

bati o pé até o fim, disse que não ia. mas acabei indo, como eu mesma já previa. comprei até ingresso mais barato.

mas assistir a um show de rock sentando numa cadeira de teatro pode ser uma experiência interessante. a PELVs, por exemplo, que me daria sono se eu tivesse vendo em pé, foi muito legal de se assistir sentada, no conforto de um teatro. dá pra prestar mais atenção à música. os shows foram legais. hell on wheels, que eu não conhecia, me agradou bastante, apesar da baixista inexpressiva - sempre elas. mas fui obrigada a me levantar.

o que dizer sobre o tfc? bom, eu nunca fui muito fã da banda. sempre achei aquela coisa fofinha, mas nunca fui muito além do meu vinil do bandwagonesque. e é isso. anos depois, vejo os caras ao vivo, aquela coisa BUNITINHA e vocais CUTI CUTI e aconteceu o óbvio: dormi. foi ótimo dormir ao som do teenage funclub ao vivo. a noite de ontem cheia de experiências novas e interessantes.

o saldo foi positivo, apesar das pessoas ficarem passadas com o fato de eu conseguir dormir no show do TEENAGE. porra, pessoas, grandes merdas o TEENAGE. sou mais ouvir um big star, que tem o mesmo SENTIMENTO e é muito mais MASCULINO.

mas vamos deixar essa discussão de lado.

outra experiência engrandecedora da noite: ir pra um bar e pedir um SUCO DE LARANJA.

1.5.04

SEMPRE ENFERMA

além da gripe do catarro verde exorcista e a tosse de tuberculoso, ainda tenho que conviver, desde ontem à noite, com uma conjuntivite. meu olho amanheceu colado.

soro fisiológico resolve?