18.12.05

fêa

acabei de cortar o cabelo na sala de casa. tá tudo emporcalhado, minha mãe vai dar a porra quando chegar.


tava assim


ficou assim

não adianta. eu não presto pra ter cabelo.

tou viajando amanhã pra praia (peroba) e só volto dia 2. cuidem-se e não bebam muito nesse fim de ano.

beijo, tchau.

15.12.05

causo médico

acho que quanto mais eu me preocupo em não ter as quisila, mais elas aparecem. e as pessoas me chamam de hipocondríaca. não, pérsoal, as doenças me perseguem, tou dizendo.

alguém conhece alguma pessoa adulta que ainda tenha brotoeja?

minha mãe conta que eu era a criança mais alérgica do mundo. tinha alergia a proteína animal, o que deve ter feito de mim a criança mais frágil do mundo, tomando o leitinho azedo de soja. depois passou. compenso comendo carne de bode sempre que dá.

cresci e desenvolvi outras alergias. minha rinite é uma coisa de louco. corante, conservantes, chocolate e galinha tão na lista, mas deve ser mentira. tenho alergia a crustáceos, o que é uma tristeza por não poder ficar com o cotovelo preto de comer caranguejo na praia. mas o camarão eu não sinto falta.

já pensaram como camarão é comida de pobre? é a comida chique do pobre. nunca entendi essa tara que as pessoas têm por camarão. peramordedeus, é só um pedacinho de nada com um cocô em cima. e ainda é remoso. e pode dar edema de glote em qualquer um. eu vou lá me arriscar com um troço desses?

enfim. a pessoa das alergias sou eu.

e aí que sexta e sábado eu fui à praia e um determinado momento eu me revoltei e não quis mais usar protetor. resultado: brotoejas.

no braço e na barriga, bolotas coçantes. comichão do caralho. a do braço irritava mais enquanto as bolinhas da barriga, bem, eram só bolinhas.

e as brotoejas do braço desapareceram com uma tal pomada anti-alérgida e que alivia prurido. as da barriga permanecem lá, intactas. do mesmo jeito que apareceram.

aí cecília inventa de tomar um fenergan e quase não consegue levantar de manhã, de tanto sono. e as bolas continuam.

como não passa com pomada e nem com remédio de uso interno, o que fazer? segura na mão de deus e vai. foda é que vou passar 15 dias numa casa de praia, tomando sol, comendo mal e o medo dessas coisas piorarem é grande. quer saber? minha vida só volta dia 2 de janeiro: foda-se.

12.12.05

dia cesar


esse é o estado em que as pessoas ficam na confraternização da firma.


sim, eu paguei peitinho na piscina.


aí teve uma banda cover de led zeppelin.


e depois, todos bêbados cantaram morrissey-bandaids-on-my-nipples em uníssono.

7.12.05

quén

e esse calor hein? quem aguenta?

domingo eu acordei de madrugada passando mal de calor. tive que ir fungar meu bafo de cachaça do lado da minha mãe pra dormir no ar condicionado. isso é porque ainda faltam 15 dias pro verão. santo deus.

e isso me força a ir comer pagando caro no paço alfândega pra usufruir do ar condicionado.

*

voltei ao fotolog. esqueçam o /cecils. agora é /zenzi.

*

o intento de emagrecer antes do verão faiô. parar de tomar cerveja eu não consigo. tomar gin é um perigo. parar de beber significa perder rapidinho uns 8kg e eu não quero nunca mais ser magra como eu era. 3kg no máximo eu já me dou por satisfeita.

alguém sabe se essas lipo light funcionam mesmo?

6.12.05

sexta-feira


nunca passem da terceira dose de gin tônica.

acho que todo mundo já ouviu falar que gin tônica é a bebida do demo. pois.

nunca passem, é o que eu digo.

obrigada.

5.12.05

pega no meu fotolog e balança



às vezes dá vontade de ter fotolog de novo só pra colocar essas pérolas que eu encontro. mas eu perdi minha senha. e eu odeio fotolog, logo...

2.12.05

minha irmã de 10 anos também entra no msn

quel says:
é verdade q filipe da banda de rafa ta namorando?
zenzelita says:
hahahahah
zenzelita says:

quel says:
q droga
quel says:
com quem. eu vou matar ela

***

quel says:
tem no orkut dele?
zenzelita says:
deve ter
zenzelita says:
tu num vai deixar mensagem desaforada pra ela não, né?
quel says:
sou mais eu
quel says:
talvez, pq eu amo filipe
quel says:
e lalu acha q ele tem cara de lezo

***

quel says:
ele é lindo,simpatico,legal,inteligente,tudo de bom mas um pouco (bem poquinho)roco e disafinado quando vai cantar
zenzelita says:
quer adicionar ele no orkut?
quel says:
ja add
quel says:
xau vo tomar banhor para minha apresentação da escola

ontem:

vi papai noel andando na rua, atravessando a rua da hora.


- fiquei muito chateado com a campanha pra colocar o chris christmas rodriguez no meu lugar, neste natal.
- ah, que nada, santa. com esse corpinho, tu num vai muito longe mais não.
- é mesmo. dei uma engordada básica. sem falar que o chris é bem mais sexy com aquele vizu pornochanchada. e ele é A CA-RA do belchior, menina, tu viu?

29.11.05

"de onde viemos?" em versão alemã

chris christmas rodriguez

vote chris christmas rodriguez to replace santa this yeah.

um ano e meio atrás...

não me lembro exatamente quando foi o bota-fora dos irmãos jurema, acho que foi há um ano e meio. mas lembro que foi uma festinha massa: barril de chopp e instrumentos musicais. junte uma zenzi bêbada e um microfone que a desgraça tá feita.


eba! um microfone!


não se váááááá!!!


isso é o que dá colocar barril de chopp de graça...

25.11.05

lml

da coluna DO LÚCIO:

* Essa eu conto conforme li. Dizem que na semana passada, durante um show na Inglaterra, a veterana banda farofa Twisted Sister estava mandando seu rockão quando o vocalista Dee Snider, parou para discursar. Contra uma galera que ficava em uns camarotes. "Os camarotes são onde os verdadeiros doentes filhos-da-p* ficam. Eles nem se dignam a levantar para dançar, aplaudir... Vamos botar luz lá em cima para vermos as caras deles."

E aí as luzes foram acesas na parte de cima. E o que a banda e o público viram nos camarotes, para onde Dee Snider apontava, era a parte da platéia reservada para os fãs em cadeira de rodas.

24.11.05

pronto



as tatus, hoje.

i'm the lord and master!

muito boas as animações do neurotically yours. mas, por favor, comecem pelas squirrel songs, lá embaixo.

mombojó ragajá flores do campo

mombojó na trama. assistam ao vídeo, é engraçado. e, puta merda, rafael vai morrer leso e retardado. maldita carga genética!

23.11.05

o bragantino


é massa e tal. mas que bolinho de bacalhau caro da porra. e a garçonete só faltava chorar quando a gente pedia uma cerveja.

próxima parada: bar do arthur, mercado da madalena.

mais momento MEU recife


essa é a vista do prédio em que trabalho.

instruções para quem não é daqui: esse é o recife antigo. aqui ao lado fica a livraria cultura e o paço alfândega. essa daí é a ponte giratória. não, ela não gira mais, mas deve ter sido algo de grande serventia na época em que o porto funcionava aqui. porque agora o porto é em suape e por isso os tubarões atacam nas praias de boa viagem. porque a construção do porto de suape bagunçou todo o ecossistema e os tubarões, que viviam pacificamente comendo os peixes de suape, tiveram que ir comer pernas nas praias vizinhas.

depois da ponte, alguns armazéns. e aquela coisinha lá no final, depois do rio terminar, é brasília teimosa, que agora tem praia e insistem em chamar de brasília formosa, mais pra direita o pina e talvez um pedaço de boa viagem.


e essa é a mesma vista à noite, provavelmente umas 19h.

bairrista



essa veio do fotolog de raul kawamura, designer recifense e gente boa. são só fotos da cidade do MEU recife. tem umas do caralho, vale a pena visitar.

22.11.05

prasco


pra quem não viu, ainda não é dessa vez que vai ver direitinha. preciso descarregar as fotos da máquina. essa foi aline quem tirou, no dia que fiz.

ainda tem a outra...

na lojinha de conveniência

- moço, que é que tem de 10 centavo?
- só sete belo ali no canto.

18.11.05

e aê, bonita

gossipo perpetuo says:
chique
Leal says:
e tô na moda
Leal says:
me inscrevi no papeiro da cinderela pra ganhar uma máquina de lavar
Leal says:
de 11 às 11h30 aqui em casa só se atende o telefone falando "e aê bonita!"
gossipo perpetuo says:
hahahahahhahahahah
Leal says:
hahaha é sério!! e a roleta de cinderela é fantástica, se você não ganhar o prêmio você pode levar um PF ou um Vale A

17.11.05

paulafonso

pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
sonhei com vc menina!
gossipo perpetuo says:
eita
gossipo perpetuo says:
conta
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
pode mermo!
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
foi um dos mais doidos dos ulti os tempos
gossipo perpetuo says:
conte logo!
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
kkk
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
cara sonehi que eu ia visitar minha cidade natal...
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
paulo afonso no interior da bahia
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
desde que sai de lá nunca mais voltei
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
tem uns 16 anos
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
que naum vou lá
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
dai as coisas estavam do emsmo jeito como se o temnpo naumtivesse passado
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
qdo percebi
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
eu tinha era voltado no tempo
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
e vc era a minha professora
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
que me dava olhadas pervertidas
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
e eu mandava vc parar
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
por que u te conhewcia
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
e ia contar pra todo mundo que vc naumera professora de matemática
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
era uma designer tatuada
gossipo perpetuo says:
ahahahahhahahaha
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
e que iam demitir vc se soubassem que vc tinah tatuagens
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
no final vc estava me futucando e pegando e passando as mãos em mim
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
ai eu acordei
gossipo perpetuo says:
haahhahaha
gossipo perpetuo says:
muito bom
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
foi muito doiso
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
doido
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
vc ficava me mostrando a calcinha
pra que fazer sofrer a minha pobre prostata inerte says:
pro baixo do vestido comportado de profesora da 3ª série

16.11.05

what a nice vitiligo

eu conheci uma gatinha que tinha vitiligo
han
que vitiligo legal

peguem aqui o mais novo sucesso das paradas musicais, gatinha vitiligo. é obra de grilo. muito bom!

14.11.05

camille


essa é a camille claudel, uma das mil cachorras de sarah hazin. não dá pra ver direito daqui, mas esse é o verdadeiro cachorro do alice in chains. na verdade, se olhar na sombra, dá pra notar as 3 patinhas.

bostia

saco interromper um feriadão numa segunda-feira pra chegar no trabalho e descobrir que posso ir embora depois do almoço. merde.

4.11.05

onde tem cocô, tem zenzi

- acho que foi o amendoim
- o amendoim e o dreher

me cocei pra não me meter na conversa dos flanelinhas.

31.10.05

uén

fiz as tatus. assim que minha máquina voltar pra mim, eu posto fotos aqui.

gostei da coca light novo sabor. suavizaram o gosto do aspartame. tá legal.

acho que vou me ausentar da internet essa semana.

preciso iniciar meu regime. preciso voltar a colocar um biquini.

sexta tem festa no panquecas, em homenagem ao dia do designer. vou botar som.

24.10.05

eu vi belmiro

sexta teve aniversário de fontanella e o encontro mais bizarro de pessoas bêbadas na rua da aurora às 3h da manhã. sábado foi muito divertido o jantar na casa de júlia. a minha berinjela não deu certo, mas eu nunca acerto mesmo na primeira vez. e nunca mais tinha voltado pra casa de 6h da manhã.

ontem eu votei no 3.

depois, passei o resto do dia em casa, verminando, comendo e vendo televisão. ver os shows do tim festival pela tv foi muito triste, ainda mais quando você fica procurando todo mundo conhecido por trás dos repórteres ou na fila do gargarejo. o máximo do desespero foi mandar mensagem pedindo pra tarta dar um grito pra ver se eu ouvia a voz dele. é muita saudade, minha gente, vocês não têm noção. se não fosse simone e mateus cuidando de mim nesse fim de semana eu não sei o que seria da minha vidinha.

essa é minha última semana aqui na agência. me darei uma semaninha de folga antes de começar no emprego novo, dia 7. aproveitar pra resolver as coisas que preciso, ter aulinhas de photoshop avançado e dormir, dormir pra caralho! não vai dar pra ir na praia, porque sábado que vem vou ter duas novas tatuagens.

era wilson. cuidem-se.

21.10.05

e nem é mais tpm

saco.

tou com uma sinusite que não passa nem com analgésico, nem com anti-histamínico descongestionante, nem com nada. queria estar em casa vendo algum filme babaca na tv, me entupindo de coisa doce. queria meu namorado e meus amigos, que tão no rio por causa do tim festival. queria colo, cafuné e manha. queria minha mãe.

queria qualquer coisa menos estar aqui na frente desse computador, sem fazer porra nenhuma, num trabalho do qual eu já até pedi demissão, tou só esperando o dia de sair.

ainda faltam cinco horas pra eu largar. vai ser uma tarde longa. ainda bem que daqui a uma hora começa o party classics na virgin radio.

vou ali bater com a cabeça na parede. beijo, chau.

20.10.05

videokê

rimas de veeeeentos e veeeeleeeeeas
vida que veeeem e que vaaaaaai

aaaaaaa solidão que fica e entra
me arremessaaaando contra o caaaaaais

porra, 7,5??? esse negócio é muito injusto!


quero mais churras e videokê!

14.10.05

saudade


jean paul, o meu gato guei, com um ovo e uma orelha, num momento voz e violão.

sinto falta desse mijão.

asilo

e aí que ontem eu cheguei meio alta, depois de umas 5 ou 6 bohemias no tacos, e tava lá passando aquele programa madame lee. baby do brasil e tom zé, e aquelas coisas que a globo deixa rita lee fazer sem censura. e aí que roberto de carvalho, que tá ali de penetra, começa os acordes de 2001. tom zé canta, meio assim constrangido de estar ali e o bizarro acontece: rita lee não sabe a letra.

2001. dois mil e um. música dos mutantes e tom zé. acho que a letra é do tão zé, mas os mutantes cantavam.

ou a bichinha é seqüelada e velha ou eu não sei mais o que dizer. papelão. outro dia tava a fernanda torres tocando mal um piano e cantando redemption song. nem rita lee nem seu consorte CONHECIAM SEQUER a música.

sério, em que mundo esses dois vivem?

***

e esse show do tão zé hoje vai estar tão lotado quanto aquele de sandy e júnior no marco zero, né? levem capacetes, cuidado com coisas que jogam pra cima e que, por motivo de força gravitacional, caem. pode ser na sua cabeça.

13.10.05

daily dose of nonsense

rapariga é você - parte II

hoje de manhã recebi essa missiva:

Moça,
não sei como fui parar no seu blog, mas estava lendo e vi que você queria saber de quem era a música:
o homem que eu encontrei me fez feliz
me ensinou todas as formas do amor
me fez uma mulher realizada
e me tirou todas dúvidas do amor
né!?
hehehe
pois bem!
O nome da música é ÂNSIA, da banda BREG@.com :)
beijo!

muito obrigada, leitora ana luísa. ela está se referindo a este post antigo, onde eu falo da riqueza de rimas do cancioneiro popular brasileiro. mas, só pra constar: a música ÂNSIA não é da banda brega.com e sim da calcinha preta.

11.10.05

surpresa de uva

o show ontem foi massa. eu tava (estou ainda) completamente sem voz, e isso não ajuda em nada na minha já ruim desenvoltura vocal. tentei tomar um domeq, mas me deu engulhos. mas foi massa, ninguém consegue ser pior que césar gatão e gustavo cantando. essa é proposta.

embaixo, algumas fotinhas do show, na abertura do spa. uma pena ter acabado a memória da câmera e não ter tirado fotinhas do show das barbis, que foi massa.


as placas ao fundo são do cenário das barbis. ducaralho. sim, isso é um diadema de coelhinha.


depois, as meninas das barbis acharam minha performance muito tímida e me deram poás e um bustiê de peninhas. gustavo acena pro grande público.


ABRE ESSAS PERNAS! NÃO! ABRE ESSAS PERNAS! NÃÃÃÃO!!!!

10.10.05

houje, no cinema aip...

festa de abertura do spa: barbis e surpresa de uva, no pátio de são pedro.

encham a cara, cheguem cedo e levem a família.

algo me diz que eu deveria saber tocar alguma coisa

5.10.05

santa

Lique diz:
cecils!
Lique diz:
acho que te vi na tv ontem
sisel diz:
ahahahaha
sisel diz:
onde????
Lique diz:
no jogo do santa cruz contra o grêmio
sisel diz:
ahahahahah
sisel diz:
como assim?
Lique diz:
sim
sisel diz:
impossível!
Lique diz:
tu apareceu na torcida!
sisel diz:
eu não tava no jogo
sisel diz:
ahahahahahha
Lique diz:
hehe
Lique diz:
mas era igual
Lique diz:
porém com um cabelo mais comprido do que eu imaginava
Lique diz:
primeiro achei parecido
Lique diz:
depois pensei "é recife"
Lique diz:
aí jurei que era tu
sisel diz:
caralho
sisel diz:
ahahhaha
Lique diz:
ah, caralho
Lique diz:
que decepção
sisel diz:
ahahahahahhaha
sisel diz:
nunca fui em jogo
sisel diz:
apesar de torcer pro santa
sisel diz:
quem ganhou?
Lique diz:
santa
Lique diz:
1 a 0
sisel diz:
ha ha
sisel diz:
meu santinha

3.10.05

confirmado


paul mccartney e fred savage são a mesma pessoa.

30.9.05

alguém?

alguma alma caridosa poderia me dizer o que fazer com esse meu cabelo pra tirar essa porra dessa tinta vermelha?

descolorir? raspar?

28.9.05

cristiane,

obrigada por me falar bem de six feet under. tou viciada nessa merda, não consigo parar de assitir. agradeço também a chico por me emprestar a primeira temporada completa e à sms por existir.

23.9.05

dois mil e um

(mutantes)

astronauta libertado
minha vida me ultrapassa
em qualquer rota que eu faça
dei um grito no escuro
sou parceiro do futuro
na reluzente galáxia

eu quase posso falar
a minha vida é que grita
emprenha se reproduz
na velocidade da luz
a cor do sol me compõe
o mar azul me dissolve
a equação me propõe
computador me resolve

astronauta libertado
minha vida me ultrapassa
em qualquer rota que eu faça
dei um grito no escuro
sou parceiro do futuro
na reluzente galáxia

amei a velocidade
casei com 7 planetas
por filho, cor e espaço
não me tenho nem me faço
a rota do ano-luz
calculo dentro do passo
minha dor é cicatriz
minha morte não me quis

nos braços de 2.000 anos
eu nasci sem ter idade
sou casado sou solteiro
sou baiano e estrangeiro
meu sangue é de gasolina
correndo não tenho mágoa
meu peito é de sal de fruta
fervendo num copo d'água

astronauta libertado
minha vida me ultrapassa
em qualquer rota que eu faça
dei um grito no escuro
sou parceiro do futuro
na reluzente galáxia

arroz de polvo

dia desses eu resolvi me aventurar a fazer um arroz de polvo. comprei dois polvos pequenos e fiz. marinheira de primeira viagem, coloquei mais arroz do que devia e, além de ter ficado seco demais, deu aquela triste sensação de estar catando o polvo no final. não é bom.

na minha segunda tentativa já tive mais sucesso. eis aqui a receita:

dois polvos médios
uma cebola grande
um pouco de sal

duas xícaras e meia de arroz
4 dentes de alho picadinho
1 cebola picadinha
açafrão
sal a gosto
1 pimentão em tirinhas
pimenta do reino à vontade
azeite

coloque os polvos já limpos dentro da panela de pressão com água pela metade com uma cebola grande inteira e um pouco de sal. quando a panela começar a apitar, deixe cozinhar por 5 ou 7 minutos. não deixe passar disso, senão o polvo fica molenga demais. lembre-se que ele ainda vai cozinhar junto com o arroz.

reserve a água preta do cozimento.

depois de cozidos, corte os polvos em cubinhos não muito pequenos mas também não muito grandes. doure a cebola e o alho no azeite e depois acrescente o polvo. coloque o pimentão na panela. jogue o arroz já lavado no refogado e deixe um pouco para pegar o gosto. adicione aos poucos a água do cozimento do polvo. ponha o açafrão, a pimenta e o sal a gosto. se não quiser colocar somente a água do polvo, acrescente água limpa e quente para cozinhar o arroz.

é importante colocar mais água do que num arroz normal para que o resultado vire um ensopadinho. arroz de polvo seco não tá com nada.

22.9.05

depois de tudo

agora me resta a grande dúvida: me inscrevo ou não na seleção do mestrado? tenho até o dia 7 de outubro pra escrever o projeto e reunir documentos para a seleção. e ainda nem contactei orientador.

oh, dear god, que faço eu?

só uma coisa é certa nesse momento: PRECISO DE DINHEIRO. tou jogando na lotinha toda semana. se eu ganhar, não sei o que faço com o dinheiro ainda. antes, pagar as dívidas. depois eu não sei.

acho que eu presentearia alguns com ipods, outros com roupas legais, pagaria jantares pros mais ansiosos, visitaria meus amigos em são paulo, rio e porto alegre, talvez desse uma passadinha em barça, dava um beijo em faccenda, tomaria uma caipirinha preparada por ela, depois iria ali em paris e pegaria meu devedê de du soleil un hiver que grégoire me deve até hoje, desceria pra portugal e tomava um vinho com joão, voltaria pra casa e avisaria aos meus pais que tirei uma graninha na loteria. mas que já gastei tudinho.

ia ser bom demais, mas não vai acontecer. porque eu sou uma pessoa pé frio demais. e as coisas não acontecem na minha vida.

ah, chega de lamentações. eu só queria uma graninha pra me divertir decentemente de vez em quando.

21.9.05

recordar...

ri demais hoje relendo posts antigos daqui do blog. façam isso de vez em quando, é muito bom.

mas essa foto tá vergonha alheia demais:


alguma passagem pelo garagem, lá pelos idos de fevereiro de 2003.

saudades de gabi e do grande bruno galera. e de cláudio (cuja bunda é essa aí do lado), que está voltando pra recife essa semana. amo todos vocês.

20.9.05

porra

tem como a pessoa se sentir mais pobre do que numa situação dessas, de uma havaianas se partindo no meio da rua?

havaianas

se você acha que pode confiar numa sandália havaianas, acredita naquela história do "não deformam, não têm cheiro e nem soltam as tiras", pode ir ficando descrente.

hoje minhas havaianas me deixaram na mão.

tava indo pro escritório, nesse lindo dia de sol, de bermuda, camiseta e minhas havaianas, quando sindo aquele vazio repentino. o dedinho da sandália se partiu. eu estava exatamente no meio do caminho, perto da casa de laura. liguei pra ela me socorrer, mas ela não tava em casa. foi quando passou de carro dani vilela e fez a caridade de me dar a sandália dela pra eu não ficar descalça. te devo essa, dani :*

mas pense no sufoco. já tava começando a pensar no que era melhor: ir pra casa descalça, me aventurar atrás de um chinelo, ir pro seo buda tentar consertar... se não fosse dani eu tava era perdida mesmo.

e agora? compro uma dupé ou uma xô boi?

16.9.05

as pás

já fomos recepcionados por um cheira cola na rua, ao estacionarmos o carro pra ir pro clube das pás douradas. lá dentro, cartazes indicando "parabéns, você está no centenário do clube". nossa, por que eu demorei tanto pra ir ali? me lembro quando tônia, a mãe de flávia, chamava a gente pra ir pras pás, quando ainda éramos púberes e inocentes.

já se nota o clima respeitoso do ambiente familiar quando se entra; o chão do salão, com o assoalho devidamente encerado para a noite de festa. o banheiro é uma atração à parte; uma tiazinha com uma cesta de palha, cheia de pedaços de papel higiênico enrolado para ser distribuído com as clientes ao entrar. além do ar condicionado, nada podia ser mais bizarro naquele banheiro, só a mulher-travesti que entrou semi-nua. nunca vi uma mulher-mulher tão alta em toda minha vida. nunca. acho que a bicha tinha 1,90m, sem brincadeira. e sem salto; a sandália que ela calçava era tão rasteira quanto um pedaço de papelão. impressionante.

o som de catarina de jah foi massa, condizente com o lugar e a situação. me lembrou os djs da cubana, só que com mais personalidade. a qualidade do som não tava boa, mas deu pra disfarçar direitinho.

a academia da berlinda evoluiu muito desde o últmo show que vi, numa das festas do 46º salão de artes plásticas, no museu do estado. tão cantando direitinho, sem errar nas letras. foi massa, até dancei no salão sem levar minha latinha de cerveja quente.

a banda tocou em duas vezes, e o segundo set de catarina foi ainda melhor que o primeiro, recheado de carlos alexandres, evaldos bragas e elinos lunião.

mas nada paga dançar "ninguém vai tirar você de mim" agarradinho no clube das pás. nada.

15.9.05

das coisas que consigo fazer com a boca



do blog de sil. e não me perguntem como foi isso, eu não me lembro.

perguntas de rotina

- tem diabéticos na família?
- não.
- casos de câncer?
- minha vó. câncer de mama e pulmão. mas ela tá viva. meu vô morreu de câncer no intestino.
- hipertensão?
- meu pai.
- menstruou pela primeira vez com que idade?
- 12.
- teve a primeira relação sexual com quantos anos?
- humm, 17, 18, não me lembro.
- quantos parceiros sexuais já teve?
- ...
- ?
- não lembro.
- é pra eu botar na sua ficha "perdi as contas"?

***

providências:

- comprar dez calcinhas de algodão e florzinha no centrão;
- dormir sem calcinha;
- usar saia e evitar jeans;
- ventilar a bacurinha, filha;
- e, principalmente, dormir muito de conchinha.

14.9.05

festinha




vá e leve a família.

6.9.05

acabou

consegui, terminei, apresentei, foi massa, já posso ser presa e tudo e tal.

5.9.05

poás



parada gay, sexta-feira, de cima do trio elétrico.

foi massa.

2.9.05

formatura



adoro os desenhos de leo martins, do no mínimo.

de pensar que segunda-feira eu me livro da faculdade, dá vontade de chorar! e dia 12 tem a colação, num queria ir não, mas enfim.

e não inventem de ir ver a minha defesa.

PG gay

e aí que ontem eu entreguei as três cópias do meu projeto de graduação para a banca. moída, cheguei em casa no final da tarde e não me levantei mais da cama. mentira, ainda tomei duas cervejas em baixo de casa, no bode entre amigos.

por sinal, que cerveja ruim do caralho a tal da antarctica original. tem gosto de cerveja choca. só vale pelo rótulo, que é lindo.

e aí que hoje vou botar som num TRIO ELÉTRICO NA PARADA GAY. não sei a hora exatamente, mas quem passar pela conde da boa vista já vai ver o tumulto. aliás, não tem lugar mais apropriado pra a parada gay do que a conde da boa vista. e viva a força surdo-muda gay! não vejo a hora!

30.8.05

cabelinho indie


eu tinha me esquecido como ringo é lindo. sim, ele era meu beatle favorito, antes de tê-los todos grudados em mim forever.

foi engraçado flávia só descobrir que ele tinha o olho azul vendo o encarte do álbum branco.

bons tempos aqueles, os da inocência do primeiro amor. queria que o tempo voltasse pra ver o anthology na globo. :~~~~~~

velau a foto, tarta. :*

saravá

nem acredito que vou me formar em menos de uma semana! alguém acredita nessa pessoa que vos fala, a mesma que há bem uns dois anos diz a mesma coisa... "desse semestre não passa". pois desse semestre só não passa se eu passar dessa pruma melhor.

credo. nem acredito que eu disse isso.

pois é, o trabalho tá pronto, só esperando as últimas correções da orientadora.

e aí que eu pensei que nesses últimos dias eu ia passar mal, ter dor de barriga todo dia. não é que o processo inverteu? tou tranqüila e com prisão de ventre. inacreditável, não lembro da última vez que tive prisão de ventre. espero que essa merda passe, literalmente.

ainda não caiu a ficha que eu vou me formar. quando cair, aviso.

26.8.05

das músicas que você amanhece cantando sem nenhuma explicação lógica

Sorria meu bem, sorria
Da infelicidade
Que você procurou

Sorria meu bem, sorria
Você hoje chora
Por alguém que nunca lhe amou

Sorria meu bem, sorria
Eu sempre lhe dizia
Quem ri por último ri melhor

Chorar pra que chorar?
Você deve sorrir
Que outro dia será bem melhor

Querida o seu erro você vai pagar
Entenda que eu não posso mais te aconselhar
Confesso que você foi o meu grande amor
Sempre sorria, sempre sorria sim como estou
Sempre sorria, sempre sorria sim meu amor

ainda tive que botar evaldo braga no itunes pra poder cantarolar alto.

***

"é hemorróidas? é a baba de mãe? mãe tem embabado muito pro lado direito, tem a ver?"

***

ontem fiquei muito bêbada. bebi... num me lembro, mas acho que umas 4 caipiroscas. sábado passado no aniversário da minha mãe eu bebi 8. considerando que cada dose tem 50ml, sem contar com a choradinha, façam os cálculos: 50ml x 8 = 400ml, ou seja QUASE MEIO LITRO DE VODCA.

puta que pariu, puta que pariu.

mas voltando, ontem eu só bebi 4 caipiroscas...

(um adendo: a caipirosca do bar do biu é boa pra caralho. o bar do biu é bom pra caralho, tocou nelson cavaquinho, candeia e noriel vilela de rodo, foi massa)

enfim, ontem eu só bebi 4 caipiroscas e fique bebaça. saí chamando silvia de cristina, comi um pratão de salame com a voracidade de um gato de mercado. acho que foi o que me fez não ter ressaca, porque aqueles foram os maiores cem gramas de comida que já vi na vida.

deixei a alface de brinde. as pessoas foram pro garagem new generation crazy people underground. o que é aquela área de convivência ali atrás? sofás, gente estranha, LUZ! sábado fui lá depois dos 60 anos da minha velha e a única pessoa conhecida era manoel. acho que nem nelson eu vi lá. bizarro, muito bizarro aquele lugar.

hoje meu desejo é: depois da farra, lá pelas 6h da manhã, ir comer bolinho de bacalhau no mercado da encruzilhada.

beijo, tchau.

17.8.05

é

se até matt dillon anda aparecendo em festinhas em olinda e a empregada lá de casa ganha 20 mil reais na lotinha, alguma coisa TEM que mudar na minha vida daqui pra frente. né pussivi.

2.8.05

bolinha 2



taí meu nariz em vários ângulos e formatos para comprovar as coisas que falei dele.

bolinha

tava agorinha lendo o blog de sil, um dos poucos que ainda leio hoje em dia. acho que é pra matar a saudade enquanto a saudade não vem.

por que as pessoas vão pra são paulo?

enfim. disse que tava lendo o blog de sil e ela tava falando do nariz dela. que era de bolinha e pinga muito. sil, meu anjo, sempre tive essa mesma queixa que você. que pinga, isso é uma sina. enquanto eu morar em recife, nessa cidade quente e úmida que deus me deu, eu vou pingar por toda eternidade. no dia em que eu me mudar prum lugar seco feito brasília, ele vai continuar pingando. SANGUE, né? prefiro catarro.

quanto ao meu nariz ser de bolinha, é engraçado. tinha um amiguinho do prédio em que eu morava que dizia que eu tinha nariz de batatinha. e olha que meu nariz nem é tão bizarro assim. mas tem uma bolinha perfeita na ponta, é só reparar. o engraçado é que de lado ele é grande e parece afilado. e de cima é gigante e parece daquelas mulheres engraçadas da stock photos. tenho fotos que comprovam.

aí olho pra a minha irmãzinha de nove anos, quase dez, e tá lá, the same nose, a mesma bolinha. e, caralho, como ela é a cara da minha vó. o nariz de raquel é ainda mais bolinha que o meu, é bizarro de verdade. o nariz do meu pai é grande, como deve ser um nariz de homem. o do rafa é adunco, o da minha mãe é afilado e gigante, o de lalu é afuletado (nem é nariz, é uma venta mesmo) e o de filipe é até normal.

o meu tem bolinha, mas pensando bem nem acho ele assim tão feio. narizes engraçados são um charme, cá pra nós. é, acho que meu nariz é charmozinho.

alguém?

alguém aqui já comeu papel alumínio? eu já e só fui dar conta disso quando fiz cocô.

alguém aqui sabia que tom selleck é gay? ou eu fui a última a saber, como sempre? eu também só fui saber que linda mccartney tinha morrido uns quatro meses depois.

alguém aqui sabia que tão vendendo água tônica diet? só fui me dar conta de que água tônica de quinino era um refrigerante depois disso. é o fim do mundo.

14.7.05

luv yr job

12.7.05

pela concha de tu madre

De: soledad quiroz
Responder a: soledad quiroz
Para: ceciliatorres@gmail.com
Data: 12/07/2005 15:24
Assunto: holaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa


HOLA CECI

MUY LINDO TU CHAPERITO Y LO DE CARA DE POTO ERA PARA MI HERMANA, PERO COMO TE REENVIE EL CORREO DE LA PELU TE SALIO A TI.

CHAOOOO...................................................................

fui presa

tá tudo aqui.

11.7.05

paulinho

só fui ver ontem o documentário de paulinho da viola, apesar de o dvd estar desde sempre na minha casa, em posse do meu irmão rafael. mas aí como tavam as famílias todas lá em casa, pai, madrasta, irmãs, irmãos, sobrinho e gatos da mc donalds, acabou que todo mundo assistiu junto. muito lindo o dvd. se não viram, vejam. parece que tá passando no gnt.

Coração Vulgar
(Paulinho da Viola)

Morre mais um amor num coração vulgar
deixa desilusão a quem não sabe amar.

E quem não sabe amar há de sofrer
porque não poderá compreender
que o amor que morre é uma ilusão,
e uma ilusão deve morrer

um verdadeiro amor nunca penece
que pouca gente ainda o conhece
meu bem, se o seu amor morrer,
é porque ninguém o entendeu
deixa o teu coração viver em paz
o teu pecado é querer amar demais.

5.7.05

me digam que eu sou normal

acho que toda criança tinha aquelas paranóias supersticiosas, tipo: se eu não bater com a cabeça na parede 7 vezes seguidas, minha mãe vai ser atropelada por uma mercedinha e vai sofrer bem muito antes de morrer. eu tinha minhas superstições, que eu inventava sabe-se lá por que, mas não eram tão bizarras assim. até hoje, por exemplo, eu uso um anel que eu comprei em salvador, um pra mim e um pro meu namorado da época. o dele já quebrou e o meu continua aqui no dedo. já engordei e o anel continua aqui espremendo meu anelar. eu não tiro porque acredito que algo de ruim pode me acontecer. em proporções menores, as superstições continuam.

eu queria saber de vocês, amiguinhos, quem ainda tem essas coisas e quando elas pararam de ser doentias.

4.7.05

da série "frases célebres"

I was dancing in a lesbian bar diz:
mas "sair da fase anal" parece uma versão chique de cagar

cólica

depois de 5 anos livre desse flagelo, eis que a amiga cólica volta a me atormentar.

é possível?

1.7.05

hoje eu tou de mau humor

por que as pessoas continuam insistindo em chamar o msn de MENSENGER?

e aquela banda lá, o panque reggae parque, ainda canta a MENSAGE to you, rudy?

por que, meu deus?

27.6.05

lama

acho que a sensação de ir no inferno e voltar, de crer que se está num pesadelo mesmo sabendo que não está acontece poucas vezes na vida da pessoa. eu não sou uma pessoa companheira de aventuras e pra completar o quadro, sou sedentária pra caralho. logo, nunca me chamem pra fazer trilha, andar quilômetros pra chegar numa cachoeira e voltar ou ir pras piscinas naturais de uma praia linda onde você tem que andar 8km, e nadar um monte. eu amo a natureza, mas ela lá e eu aqui. ou então, se tiver um jeito pouco cansativo de chegar até ela, tudo bem.

mas, mesmo assim, entrei numa fria nesse são joão. era noite em gravatá, eu e carlós inventamos de ir pra uruçu mirim, a poucos quilômetros de gravatá. subindo mais 500m e numa estrada de barro péssima. sem iluminação. já viu, né? acrescente aí que choveu no dia anterior e tinha poças e lama em alguns trechos. sem falar nas várias bifurcações da estrada - sem sinalização nenhuma. era um exercício de intuição. e um pouco de quem tem boca vai e arromba.

erramos o caminho uma vez, quase caímos de moto na lama. chorei, tive cãibra nos dedos do pé. tive vontade de deitar na estrada e dormir ao relento, de tanto ódio. mas conseguimos chegar, um dia. a estrada era só o farol da moto e as estrelas no céu. se desligasse o farol não se via um palmo a frente. muito escuro, muito medo, muito pesadelo demais aquilo. podia ser lindo mas não era.

acordei do pesadelo numa linda fazenda a 500m de uma cidade com rua asfaltada. tava frio pra caralho. minhas costas, pernas e punhos doíam, mas valeu a pena chegar lá. tinha fog. de manhã, a vista era realmente premiada. os montes verdinhos ali de cima, tudo com as nuvens passando. a geada às 7h30 da manhã. pisei em bosta de vaca e de cabra. vi os búfalos. são lindos, aqueles chifres chiquérrimos. pena não poder ficar uma semana só descansando ali.

são jão

hype

17.06.2005 | Comentando o verbete de ontem, alguém disse que o pessoal prefere falar Fashion Week porque em inglês o nome dessa quermesse superestimada, em que mulheres abaixo do peso desfilam roupas acima do preço, fica “mais hype”. Achei a explicação excelente, embora seu próprio autor não pareça ter compreendido inteiramente o alcance do que disse.

Do modo como é usada no Brasil, a palavra “hype” é a mais perfeita tradução de nossa anglofilia – espalhafatosa, cheia de deslumbramento mas, well, burrinha, coitada. Ao passar pela alfândega, hype fica quase irreconhecível: de substantivo vira adjetivo, e de palavra ácida, com conteúdo crítico, vira laudatória, festiva.

Em inglês, na acepção que vem ao caso aqui, hype quer dizer badalação excessiva, propaganda injustificada; histeria, zunzum ou falatório promovido com intenções comerciais em torno de um produto, modismo ou pessoa; engodo, mentira, fraude. Como se vê, é uma palavra funcional e, no atual estágio da cultura de massa, cada vez mais necessária para dar conta do mundo.

Entre nós é bem diferente: ser hype é simplesmente o máximo. Desaparece qualquer idéia de excesso ou mesmo picaretagem que o falatório possa ter e fica só a fama, o sucesso – fama e sucesso num certo grupo de eleitos, claro, e não com a massa. São Paulo, centro irradiador da palavra, vai na frente. “Marca hype anglo-brasileira de Londres estréia no SPFW”, dizia uma notícia do Uol há duas semanas, referindo-se ao São Paulo Fashion Week. “Pintar porcelana vira hype”, anuncia o blog da jornalista Erika Palomino. “Electro Hype Fair agrega conteúdo à megabalada”, apregoa o circunspecto “Estadão”. O Rio não quer ficar para trás e tem a Babilônia Feira Hype, que em parceria com o Viva Rio acaba de lançar a campanha “Ser Hype é Ter Responsabilidade Social”.

O mais curioso é que hype desempenha aqui exatamente o papel que, em inglês, cabe a uma palavrinha de grafia parecida, embora a pronúncia seja bem diferente: hip. Essa, sim, é um adjetivo e quer dizer, segundo o Webster’s, “sofisticado, esperto, ligado; que está na moda, cheio de estilo”. Coincidência? Não creio. Parece mais um caso clássico de ouvir o galo cantar ali e achar que foi mais adiante.

Há outras palavras que, ao serem importadas, passam por alguma deformação. Do ponto de vista estritamente lingüístico, isso é compreensível e até saudável. O estrangeirismo não deve fidelidade semântica ou gramatical à língua de origem. O falante o deforma porque, longe de ser um consumidor passivo de termos importados, é sujeito da sua própria linguagem, que fabrica com os ingredientes disponíveis sem se preocupar com a procedência.

Deve ser isso mesmo, embora me ocorra uma objeção, digamos, cultural que não tem merecido atenção suficiente: quanto de auto-estima rente ao chão, de ódio ao espelho precisa ter um sujeito para achar que um breakfast, só por ter esse nome, será sempre mais saboroso que um café da manhã?

Seja qual for a resposta, há na raiz do nosso uso de “hype” uma tontice que, por si só, pega meio mal: quem é hype, ou hip, não vacila assim.


fonte: a palavra é, do no.mínimo

22.6.05

* coça coça coça *

a tatuagem tá na fase de coçar, a cicatrização tá quase completa. a coceira é tanta que eu tava distráida e meti o unhão - quem mandou não usar a bandagem? e já tá na fase de sair pelinha também. as partes mais altinhas tão querendo largar e com a pele besuntada de vaselina é mais fácil passar o dedinho e sair a pelinha colorida. é massa ver a pelinha saindo, tão divertido quanto arrancar pedaços enormes de pele depois de se queimar no sol.

mas eu só queria que essa porra parasse de coçar um pouquinho.

medo



essa é a minha cara de tabacuda, ontem, testando o ipod.

21.6.05

eu queria...

... um ipod e um par de patins.

fiquei com inveja quando vi a propaganda do ipod na tv.

o ipod eu vou ter hoje de noite :)

alguém sabe onde vende patins daqueles antigos, sem ser o in line?

20.6.05

novela

Lique diz:
meu DEUS
Lique diz:
tá acontecendo a cena mais tosca da história da novela brasileira nesse momento
cecília diz:
ahahaha
cecília diz:
a novela das sete?
Lique diz:
primeiro capítulo da novela alma gêmea
cecília diz:
hahahha
cecília diz:
conta
Lique diz:
bah
Lique diz:
a mulher tava na cama do hospital
Lique diz:
e morre
Lique diz:
e o espírito sai
Lique diz:
e o cara chora
Lique diz:
e ela tá tipo
Lique diz:
passando a vida toda dela pela tela
Lique diz:
enquanto ela vai num vento
Lique diz:
em direção ao céu
Lique diz:
e quando ela vai dar de mão com deus
Lique diz:
o cara dá um grito mais desesperado
Lique diz:
e ela cai
Lique diz:
e começo a tocar carmina burana e tal
Lique diz:
e ela vai caindo
Lique diz:
e cai num limbo com escadas
Lique diz:
estilo escher
Lique diz:
só que de isopor
Lique diz:
e vai indo pra cima e pra baixo
Lique diz:
e não sabe praonde é a gravidade
Lique diz:
até que ela pula, tudo se quebra e ela cai num cachoeira tosca
Lique diz:
e renasce num índio bebê
Lique diz:
é isso.
Lique diz:
tudo em gráficos chapolin total

paranóia dos 25

faz dois meses que eu completei 25 anos e não tardou pra baixar em mim a paranóia da velhice, do precisar se cuidar, que a partir daí as coisas vão começar a cair e ficarem flácidas e velhas. beleza, eu sei que meu corpo não é mais o de uma adolescente nem minha pele agüenta tanto o tranco quanto antigamente. mas acho que a paranóia chegou pra arrombar.

eu tenho uma tia que tem 50 anos e parece ainda estar na casa dos 30. ela diz que isso se deve ao fato de ter começado a cuidar da pele com vinte e poucos anos, mas eu sei que é culpa da genética. tudo bem, ela é bonita e vai sempre aparentar ser pelo menos dez anos mais jovem, mas não sei até que ponto isso foi obra dos cosméticos.

bom, confiando ou não, resolvi seguir as dicas da minha tia cinqüentona, bonita e conservada e tou começando a me tratar. nunca fui de usar filtro solar no dia-a-dia e hoje tou usando sempre que saio de casa, mesmo nesse período de chuva. fps 30 da o boticário, anotem meninas, é ótimo pra quem tem pele oleosa ou mista porque é uma loção super levinha e seca rapidamente. e ainda tem um complexo hidratante que completa o processo de cuidado.

ainda comprei um hidratante pro rosto pra usar à noite depois do banho.

aí resolvi ir na dermatologista pra ver o lance das estrias, as velhas estrias esquecidas de outrora. eu sei que estria não tem solução, mas as opiniões são tão controversas que acho que não custa nada tentar, né? sem falar que elas são vermelhas, as estrias jovens mais fáceis de amenizar. e prevenção nunca é demais: óleo de amêndoas ou algum hidratante com o óleo em questão. de quebra, a doutora ainda passou sabonete facial, loção hidratante com complexo rejuvenecdor para o corpo e um creme com filtro solar pro rosto. calma, um de cada vez.

e pra terminar, encomendei na revistinha da natura um gel para a área dos olhos, redutor de bolsas e olheiras, grande problema meu. eu sei que é aí onde vão aparecer as primeiras amigas rugas, eu sei. custa nada começar a cuidar.

o fato é que tou gostando dessa rotina de passar filtro solar, lavar o rosto 3 vezes ao dia e passar hidratantezinho. a pele fica tão macia e cheirosa que eu fico toda satisfeita. bom, mas esses dias eu meio que esqueci, porque tou com outra criança pra cuidar, a tatuagem nova.

a tatuagem

pois é. fiz outra tatu, depois de mais de três anos sem fazer um único furinho. é um miró (vão se fuder todos os que lembraram de alguém com um miró tatuado) no ombro/braço e tá linda. simone tirou fotos do processo. simone também fez tatuagem. a menina foi corajosa que só, ficou toda quietinha o tempo todo, até simulou um cochilo. uma forte candidata ao vício. simon, tamos aí nas próximas! a dela ficou a mais linda de todas, o poema de maiakóvski, e renato é foda.

16.6.05

moreno

29.05.05 07:59

+558191010843

oi meu moreno bom dia


03.06.2005 07:46

+558191010843

oi meu moreno meu corpo te chama


03.06.2005 19:20

+558191010843

oi filé quero que voce faça comigo tudo, quero que voce coloque na minha buceta, na minha bunda e na minha boca até goza.

15.6.05

agora

eu espirrei uma bolinha necrosada*.




* nome dado à bolinha amarela, dura e fedorenta a carniça que fica na garganta e, vez por outra, colocamos pra fora, através da tosse ou do espirro. não tente espremê-la com os dedos porque o fedor fica por dois dias seguidos. e não adianta lavar a mão.

7.6.05

TPM

aos que dizem que tpm é lenda, psicológico ou qualquer coisa que só existe no imaginário feminino, morram. nasçam com buceta e peitos pra saberem o que é isso.

minha mãe não tem mais, mas sabe exatamente quando acontece comigo.

dizem que mulheres que passam muito tempo juntas acabam menstruando juntas. eu morei minha vida com uma mulher que não menstrua mais, mais de dois com dois homens que nunca menstruaram e quase um ano com duas mulheres nas cntp. só que as três tomavam pílula anti-neném e isso acaba decidindo quando o boi aporta e quando a tpm abala. mas mesmo assim, acho que rolava uma sintonia, algo mais forte, que acabava deixando todo mundo tenso de uma vez.

agora eu voltei a morar com a minha mãe, que não menstrua, mas sabe quando eu vou menstruar. e me revolta os homens ao meu redor que não entendem a minha vontade de matar, de chorar, de ter um filho em determinado periodo do mês. acham simplesmente que é mais uma explosão do meu humor pouco agradável ou do meu gênio ruim.

gente, até mulheres muito legais e amáveis ficam chatas uma vez por mês, podem acreditar.

e a ansiedade faz cecília voltar a comer chocolate. até inventei de fazer um brownie em casa. não tinha fermento. virou uma casca de bolo de meio centímetro, concentrada e gostosa. comi metade, mesmo sabendo que dali a algumas horas eu estaria num rodízio de sushi, podendo comer o quanto eu bem entendesse. no meio do caminho, me arrependi do brownie, mas até que não fiz feio no japs. quando chegou a última rodada, ninguém agüentava mais nada, eu queria chorar de desespero, pedir cessa.

hoje passei o dia com um soco no estômago. e tou abusada. e nem é tpm.

2.6.05

CRAZY LABELS

muito bom!

SENHORA BATATA

acho que eu devia me enterrar logo. quando o sol é de rachar, eu reclamo e digo que não quero sair de casa. agora que o céu tá caindo de tanto chover, eu reclamo e digo que não quero sair de casa. hoje, particularmente, foi foda. só consegui vencer a preguiça e encarar a chuva de 14h30. antes, fiquei vendo os pobres leões lutando para sobreviver no discovery channel.

23.5.05

...

não sei descrever a sensação de fazer o primeiro teste de hiv. queria muito discorrer sobre isso, mas eu realmente não sei dizer qual é a sensação. é mais que ansiedade - o antes; é mais que alívio - o depois. é mais que um ufa! é meio que viver alguns dias na corda bamba, sabendo que dali sua vida pode mudar radicalmente. ou não.

uma coisa é certa: cumprirei minha promessa de nunca deixar de ter pelo menos uma camisinha comigo, sempre. tipo a chave de casa.

19.5.05

PRISÃO DE VENTRE

só podia ser comigo, mas ontem de noite tava conversando com flávia sobre um problema que (ok, vamos inveNtar uma porcentagem) 87% das mulheres sofrem: prisão de ventre. eu conheço assim de gente que tem, sofre mesmo, chega até a chorar. minha mãe tem prisão de ventre, mesmo comendo mamão e ameixa todo dia.

acho que prisão de ventre vai muito além do que você come. tá mais que provado que o troço é mais pobrema (ou poblema?) mental da pessoa. e eu tenho uma teoria pra isso: desencane do seu cocô e seja feliz. podia virar até uma campanha por um mundo melhor.

eu acho que quando você passa a não se preocupar no quão nojento possa ser o seu cocô, parar de se preocupar com o lugar onde você vai defecar, a pessão diminui e o intestino funciona que é uma beleza. pode crer, a pele fica mais bonita.

não sei quando foi que eu desencanei do meu cocô, mas juro que sou uma pessoa bem mais razoável por não ter o intestino preso. imagina se eu tivesse, que saco eu seria?

bom, eu sei que isso não vai surtir efeito nas pessoas que já padecem desse mal, mas tentem ao menos pensar no assunto. acho que a solução tá em criar uma amizade mesmo com seu cocô, ele é do bem e tal.

QUERIA FALAR FRANCÊS

só pra entender o que esse filho da puta desse georges brassens fala. de uma coisa eu tou certa: devia ter muita perversão saindo daquela cabecinha...

sou fã desse filho da puta e prometo que se eu aprender francês tão bem ao ponto de traduzir as letras dele, eu gravo em português. tipo gizele. palavra de escoteiro.

essa mermo eu nem sei o que é, mas é fofinho como ele fala tudo muito rápido:

Si, par hasard
Sur l'Pont des Arts
Tu croises le vent, le vent fripon
Prudenc', prends garde à ton jupon
Si, par hasard
Sur l'Pont des Arts
Tu croises le vent, le vent maraud
Prudent, prends garde à ton chapeau

18.5.05

RESIDENTS

esse disco é ducaralho. pena que a capa tenha sido mudada...

AH, MINHAS TARDES SEM O STUMBLE UPON

puxa aqui.

17.5.05

GIRLS ARE EVIL

12.5.05

OFICINA VAZIA, MENTE DO DIABO

das coisinhas que você pode fazer pra passar a tarde ociosa no trabalho:

1. você tem 10 segundos pra bater uma siririca no mouse. quanto mais clicar, mas fera você é.

2. papel, pedra e tesoura.

3. joguinho da memória

e muito mais merda aqui.

9.5.05

MELHOR REFRÃO

ciço
você não percebeu
você canta melhor que eu
mas meu cabelo é melhor

da música "hoje sonhei com john lennon", de ciço gato.

3.5.05

VAI CHOVER

e não é que voltei a nadar hoje? acordei às 6h30, comi meia fatia de pão de centeio e fui à luta. nos primeiros 25 metros de craw, já não aguentava nem viver.

eu não tenho fôlego pra nada. e olha que eu nem fumo.

tudo bem, eu mereço um desconto. a última vez que entrei numa piscina pra nadar foi há 6 anos, antes de entrar na faculdade. desde lá, não consegui fazer exercício físico nenhum, tirando umas 4 aulas de hidroginástica no ano passado. eu DEVO voltar devagarinho.

então, parando pra respirar a cada 25 metros, alternei entre nado craw e peito (meu preferido) e consegui nadar somente 300m. um dia eu chego lá. ainda tou voltando aos pouquinhos e sou uma velha de 25 anos, mereço mesmo um desconto. sem falar que eu tou mais a fim de natação recreativa do que me matar pra fazer 2000 metros em uma hora.

2.5.05

SUSTO

acabei de cruzar no elevador com nosso querido ex-prefeito e ex-governador bob magal. avistei aquela boca murcha na porta do elevador, óculos escuros dizendo boa tarde. passei cabisbaixa querendo rir.

29.4.05

ANXIETY KEEPS ME HAPPY

se tem um coisa que eu adoro fazer em tempo ocioso é andar pelo bairro, passar na locadora, pegar 5 filmes, ir na casa lotérica, jogar na megasena e passear pelo pão de açúcar. o pão de açúcar é o supermercado mais caro que existe, mas é o que tem as coisas mais legais de se comprar. hoje mesmo, comprei um pote de nutella, pra comer com panqueca.

ok, antes que alguém me diga que eu já tou querendo engordar o que perdi parando de tomar cerveja, eu explico. desde que voltei a morar na casa da minha mãe, tenho tido vontades incontroláveis de comer coisas doces.

* calma tem alguma coisa estranha aí: cecília comendo doces? cecília não é aquela que enjoa comendo um quadradinho de chocolate? *

bom, deve ser porque na casa da minha mãe se usa açúcar e uma coisa que eu praticamente abandonei da minha vida foi o açúcar, quando fui morar fora de casa. não usava açúcar pra nada, era um ítem que nunca entrava na lista de compras. e quando você volta a comer açúcar, parece que rola uma necessidade eterna de se comer mais. tipo um vício mesmo.

ain, onde está aquele sugar blues de rafael?

RECEITA

macarrão à putanesca

essa é uma adapatação de uma receita que vi na tv, naquele programa truques de oliver. na verdade, só rolou uma troca de filés de anchovas por filés de sardinha em conserva, simplesmente porque o pote de anchovas custava R$ 18 e o de sardinha custava R$ 2. sou pobre, e daí? tudo bem, não é exatamente uma troca perfeita, mas é uma receita que você pode fazer rapidamente em casa, sem precisar de grandes habilidades e é muito saborosa.

você vai precisar de:
- 250 gramas da massa que preferir (dê preferência às massas grano duro, que não necessitam de óleo para o cozimento e ficam mais durinhas)
- uma lata de filés de sardinha em conserva (pode usar aquelas sardinhas com espinha e escama, mas eu acho nojento e prefiro não ter o trabalho de limpar)
- azeitonas pretas sem caroço
- alcaparras
- alho em rodelinhas
- uma lata de tomates pelados
- azeite
- sal

modo de preparo:
coloque numa panela alta bastante agua para ferver. enquanto isso, vamos preparar o molho. pegue o azeite, ponha numa panela e deixe esquentar. acrescente o alho. cuidado pro alho não queimar e emporcalhar tudo. depois, junte as alcaparras e as azeitonas. deixe tudo pegar sabor. adicione então os tomates pelados, que vêm com um pouco do suco do tomate. vá mexendo de forma que o tomate vá soltando ainda mais o seu sumo. corrija o sal. a essa altura, a água já ferveu. daí é só cozinhar a massa até ficar al dente e servir com o molho quente.

um amigo meu contou que se chama macarrão à putanesca porque na itália as mulheres que traiam seus maridos não tinham tempo para cozinhar, então faziam alguma massa rapidinha em 15 minutos pra quando eles chegassem pro almoço a comida estivesse na mesa. não sei se é verdade, mas é uma boa explicação.

27.4.05

PIA COMO EU SOU GOSTOSA

EI

soube por aí que tão querendo organizar um movimento "volta, cecília" de reativação deste diário. devo lhes dizer que não é tão simples assim, chegar e escrever. eu tou mais no movimento "não tenho nada a dizer, então cala a boca e chupa".

ok, grosseirias à parte, quero avisar que esse blog fez 3 anos - eeeeeee! bem que podia ter uma comemoração mais digna. prometo trabalhar pra isso. prometo que vou voltar a florear sobre o fiteiro da esquina que brinca com a chapa ou sobre o tempo que passo observando os caras da construção aqui na frente. no momento eles tão muito ocupados construindo, mas a qualquer momento eles param e fazem algo.

5.4.05

NÃO TENHO NADA A DIZER

então vamos fazer testes idiotas:



Qual Lei de Murphy te persegue?


29.3.05

FÓFI


21.3.05

DAS RESOLUÕES DE ANO NOVO

uma das minhas primeiras resoluções de ano novo era emagrecer rápida e urgentemente. essa era a minha idéia pra passar o carnaval sem barriga. mas o natal foi um a festa que emendou com o ano novo que emendou com o carnaval num ritmo que nem sei como meu fígado não pediu arrego, que foi praticamente impossível eu conseguir pensar em emagrecer, que dirá a emagrecer de fato.

mas essa era uma das resoluções de ano novo, talvez a principal. pra atingir tal meta (emagrecer 4 kg), primeiro eu teria de parar de beber cerveja. a minha querida cerveja. no segundo dia do ano, em peroba, bebi vodca e confesso que foi uma experiência legal. mas bastou eu voltar pra recife pra voltar à estragação completa e cair na cerveja de novo. e assim seguiu até depois do carnaval, quando eu decidi realmente parar de beber cerveja.

mas teve que ser PARAR mesmo.

além disso, parei de beber qualquer coisa alcoólica durante a semana. quando bebo, é uma caipirosca. se a revolta for grande, tasco-lhe adoçante.

a longo prazo sei que parar de beber cerveja é a solução perfeita e já consigo sentir os efeitos: tou um pouco menos inchada e praticamente não tenho ressaca. meu organismo sequer lembra que bebeu no dia anterior. isso é muito bom.

minha persistência tem sido tanta que quando a única opção é beber é cerveja eu não bebo. se tiver limão, pinga e açúcar, eu faço uma caipirinha até bem razoável.

ainda é cedo e não quero chegar a essa altura e dizer que já emagreci pra não gorar o plano, mas é perceptível o quanto me sinto menos inchada. e completou porque tou doente de alguma coisa que tira meu apetite e me deixa nauseada, querendo vomitar. então comer que é bom eu tenho feito mal e pouco.

MUDANÇA

já perdeu a graça dizer que tou de mudança, né? acontece o tempo inteiro. mas agora é sério, tou indo morar com a minha mãe novamente, só como uma forma de conseguir juntar algum dinheirinho pra qualquer plano que queira fazer. ainda não sei se vou viajar, ou pra onde vou, mas quero juntar uma grana pra fazer algo. desejem-me boa sorte, porque deve ser no mínimo curioso voltar a morar com a mãe depois de 2 anos e meio dividindo casa com amigos.

3.3.05

SERVIÇO DE UTILIDADE PÚBLICA

eu sempre quis ver assim, listado, o itinerário do ônibus dois irmãos rui barbosa, o ônibus de tarifa A que passa em mais lugares na cidade do recife. taí pra quem quiser dar uma checada. é bom até pra aprender os nomes das pontes:

Avenida Acadêmico Hélio Ramos
Rua Amaro Gomes Poroca
Praça da Várzea
Avenida Afonso Olindense
Rua Padre Rodrigues Ferreira
Avenida Caxangá
Terminal Integrado Caxangá
Avenida Caxangá
Ponte da Caxangá
Rua Ribeiro Pessoa
Rua Dom Manoel de Medeiros
Praça de Dois Irmãos
Avenida Apipucos
Avenida Dezessete de Agosto
Praça Parnamirim
Avenida Parnamirim
Avenida Rui Barbosa
Avenida Governador Agamenon Magalhães
Rua Montevidéu
Rua Tabira
Avenida João de Barros
Rua do Príncipe
Rua Princesa Isabel
Ponte Princesa Isabel
Rua do Sol
Praça da República
Ponte Buarque de Macedo
Avenida Martin Luther King
Cais do Apolo
Ponte Conde Maurício de Nassau
Rua Primeiro de Março
Avenida Guararapes
Ponte Duarte Coelho
Rua da Aurora
Rua João Lira
Avenida Visconde de Suassuna
Rua Gouveia de Barros
Rua Álvares de Azevedo
Avenida Mario Melo
Rua Doutor Carlos Chagas
Avenida João de Barros
Rua da Hora
Avenida Conselheiro Rosa e Silva
Estrada do Arraial
Rua Desembargador Goes Cavalcante
Avenida Dezessete de Agosto
Avenida Apipucos
Praça de Dois Irmãos
Rua Dom Manoel de Medeiros
Rua Ribeiro Pessoa
Avenida Caxangá
Avenida Afonso Olindense
Praça da Várzea
Rua Amaro Gomes Poroca
Avenida Acadêmico Hélio Ramos

BLÉ

tem banda pior do que counting crows nesse mundo? eu já tinha asco dessa coisa desde a longínqua época do sucesso de mr. jones, lá pelos idos de 93, 94. eu odiava do fundo da minh'alma essa música e achei que eles nunca mais fossem emplacar com outro sucesso tão grudento e insuportável como esse. mas parece que essa accidentally in love tá conseguindo ser pior que mr. jones. puta que pariu, eu vi o clipe uma mísera vez e a música ficou me azucrinando o juízo durante essa semana toda. e ainda tem um coelho ridículo que canta a música que me faz medo.

1.3.05

GÓRDA

26.2.05

RESPEITO!

agora eu sou morena.

25.2.05

VISTA

da minha janela aqui do trabalho, no 15º andar, tenho uma bela vista da cidade e dos prédios altos da agamenon magalhães. abri agora a janela pra olhar a chuva e a vista era cinza, nebulosa, como uma vista de são paulo. agora o sol abriu um pouquinho, graças a deus.

falando em sol, acho que nos meus 24, quase 25 anos de existência, nunca passei por um verão tão quente. exceto aquele verão de 2001 no rio de janeiro. cidade quente do caralho. ainda bem que no janeiro que fui a porto alegre não tive o azar de sentir a CONSISTÊNCIA do calor.

já cortei os mullets porque não aguento mais suar tanto na nuca.

22.2.05

EU ODEIO BIG WALLEY

nessa história de criar comunidades no orkut com "eu odeio" alguma coisa já teve muita história estranha. tipo groupies entrando na comunidade "eu mato groupies" ou gente me pedindo esclarecimentos sobre minhas preferências sexuais. mas essa que me aconteceu hoje foi foda. uma mocinha chamada carlinha deixou 3 mensagens no meu scrapbook, dizendo que eu estava denegrindo a imagem da empresa onde ela trabalha com a minha comunidade "eu odeio big walley". big walley, pra quem não sabe, é uma marca daqueles banheiros químicos que a gente usa em festas, shows e eventos onde não há banheiros de verdade. e eu criei essa bendita comunidade pra as pessoas que partilham desse mesmo ódio destilarem seu veneno. coisa normal, tem eu odeio tudo nesse orkut, não é um eu odeio big walley que vai matar ninguém.

cada doido que me aparece:

my scrapbook

Carlinha: Bom Cecils é seguinte estou te enviando uma cópia do topic que eu coloquei na comunidade sem fundamentos que vc criou, pois isso acaba fazendo uma propaganda de baixa qualidade da empresa, e isso não admitiremos de forma alguma, pois é muito sem fundamento tudo que vc colocou na comunidade, e sem falar que na maioria dos argumentos são falhos, portanto toda e qualquer dúvida ou crítica a melhor saída é nos procurar ok? obrigada.
7:53 AM 2/22/05

Carlinha: Bom gente, eu trabalho na BIG WALLEY, e é o seguinte, quando eu vi essa comunidade, eu não gostei por vários motivos, recorri aos meus superiores e eles me pediram para que explicasse e pedisse a opinião de vcs.Portanto venho aqui começando a explicar alguns tópicos que vi anteriormente. 1º: Os banheiros da Big Walley, são importados, o material das cabines é Polipropileno (plástico), sendo impossível, se enganchar na estrutura do banheiro.2º: Os assentos tem uma altura de 0,65cm, sendo totalmente improvável uma pessoa de altura normal ficar com a bunda batendo no vaso.3º: Se vcs reclamam o fato de não ter luz no banheiro tá aí a explicação: se forem colocadas luzes na parte interna das cabines sanitárias, o teto irá derreter, causando maiores prejuízos à empresa. Se a reclamação é por esse motivo, é melhor reclamar com o produtor do evento.E outra os tetos são translúcidos, captando toda e qualquer luz ambiente.

Carlinha: 4º:Não é culpa das cabines o celular cair na bacia sanitária, sendo total falta de cuidado da(o)dona(o) do aparelho.5º:Em relação a respiração, é impossível que um banheiro de acesso público permaneça com o cheiro agradável durante todo o evento, para isso contratamos funcionários, que utiliza produtos químicos para amenizar o odor.Para maiores informações ou reclamações mande um e-mail para bigwalley@hotmail.com ou telefone: 81 3339-1469P.S.: Antes de julgar as cabines sanitárias da BIG WALLEY, por favor verifique no evento se REALMENTE É A MARCA BIG WALLEY, pois existem várias outras empresas que trabalham no mesmo ramo. Vc pode muito bem ter utilizado outro tipo de cabine e tá achando que é BIG WALLEY, por ser mais comun nos maiores e melhores eventos.
7:48 AM 2/22/05

18.2.05

SURPRESA DE UVA NO MAC



e logo mais à noite, no garagem (lá mesmo onde wander wildner fez um show surpresa), tem mais surpresa pra você, caro amiguinho. dessa vez, sem um idiota pra desligar o som no meio do show. garantida a presença de zé carlos viana e juliana paes no camarote vip do surpresa.

31.1.05

O SONHO ACABOU, MAS AINDA TEM SURPRESA DE UVA!

eu tava meio nervosinha com a idéia de subir num palco de uma grande festa pela primeira vez, senti até dor de barriga. mas bastaram algumas cervejas que a timidez pegou o último pau de arara. e é porque eram somente duas músicas, imagine um show inteiro. mas parece que tudo era pra dar errado na última hora.

o show foi cortado pela metade, cantei still loving you, mas não cante mordidas de amor do yahoo. lucila e bruno também não puderam dar ao público o deleite de suas performances, mas o que deram já foi absurdo de bom. o melhor show das festas do mac? quem viu, viu. o público chorou, esperneou, mas não teve jeito da apresentação ser prolongada. reclamem com a organização. obrigada aos que acompanharam em coro a letra de still loving you, com isqueiros acesos no alto. quem sabe na festa de encerramento a gente não ganhe destaque e um show de uma hora de duração?

aguardem que vem mais surpresa por aí.

17.1.05

EU SABIA QUE UM DIA ISSO IA ACONTECER


eu, cantando no show do del rey.

10.1.05

EU DURMO

de roupa
de tapa-olho
com a tv ligada no timer
vendo filme depois das 9h da noite
com alguém fazendo costinha
com cafuné
oito horas por dia
cedo
em mesa de bar
em cinema
na noite dos tambores silenciosos
vendo o falcão maltês
de bruços
com travesseiro
coberta
sem sono