21.3.05

DAS RESOLUÕES DE ANO NOVO

uma das minhas primeiras resoluções de ano novo era emagrecer rápida e urgentemente. essa era a minha idéia pra passar o carnaval sem barriga. mas o natal foi um a festa que emendou com o ano novo que emendou com o carnaval num ritmo que nem sei como meu fígado não pediu arrego, que foi praticamente impossível eu conseguir pensar em emagrecer, que dirá a emagrecer de fato.

mas essa era uma das resoluções de ano novo, talvez a principal. pra atingir tal meta (emagrecer 4 kg), primeiro eu teria de parar de beber cerveja. a minha querida cerveja. no segundo dia do ano, em peroba, bebi vodca e confesso que foi uma experiência legal. mas bastou eu voltar pra recife pra voltar à estragação completa e cair na cerveja de novo. e assim seguiu até depois do carnaval, quando eu decidi realmente parar de beber cerveja.

mas teve que ser PARAR mesmo.

além disso, parei de beber qualquer coisa alcoólica durante a semana. quando bebo, é uma caipirosca. se a revolta for grande, tasco-lhe adoçante.

a longo prazo sei que parar de beber cerveja é a solução perfeita e já consigo sentir os efeitos: tou um pouco menos inchada e praticamente não tenho ressaca. meu organismo sequer lembra que bebeu no dia anterior. isso é muito bom.

minha persistência tem sido tanta que quando a única opção é beber é cerveja eu não bebo. se tiver limão, pinga e açúcar, eu faço uma caipirinha até bem razoável.

ainda é cedo e não quero chegar a essa altura e dizer que já emagreci pra não gorar o plano, mas é perceptível o quanto me sinto menos inchada. e completou porque tou doente de alguma coisa que tira meu apetite e me deixa nauseada, querendo vomitar. então comer que é bom eu tenho feito mal e pouco.

Nenhum comentário: